PARABÉNS DONA ZORAIDA!

Zoraida e Teixeirinha em 1957

Zoraida e Teixeirinha em 1957

 

Há exatos 76 anos, num dia 18 de outubro, nascia em Rio Pardo, Zoraida Lima. Filha do casal Anápio e Estela, morena de cintilantes olhos azuis, filha do meio na numerosa família dos Lima… Zoca não ficou conhecida por nenhum destes atributos. Ela se tornou uma personalidade respeitada e admirada graças ao marido, ninguém menos do que Vitor Mateus Teixeira.

 

Dona Zoraida e Teixeirinha se conheceram em Santa Cruz, no verão de 1956. Ele ainda era um artista amador, animava bailes pelo interior e pouco tinha a oferecer. Ela também não era de família rica. Levado à casa dos Lima por um dos filhos da família, o ainda desconhecido Vitor Mateus Teixeira acabou se encantando por Zoraida. Noivaram e, em 21 de setembro de 1957, casaram-se em Santa Cruz do Sul, numa bonita festa na principal e mais famosa igreja da cidade.

 

De Santa Cruz, o casal foi residir em Soledade e, depois, em Passo Fundo. Dona Zoraida teve de se acostumar à vida mambembe do marido, mas só por pouco tempo. Em 3 de outubro de 1958 nasceu a primeira filha do casal, Nancy Margarethe. Em seguida, veio Gessy Elisabethe. Zoraida conta que seu sonho era ter um menino e, para que isso acontecesse, tentou várias vezes. Acabou tendo quatro meninas, as quais – relata – sempre foram o xodó do pai. O menino não veio.

 

Em 1959, Zoraida viu o marido partir para a mais ambiciosa de suas excursões. Teixeirinha passou 21 dias em São Paulo, na tentativa de realizar seu maior sonho: transformar-se em um cantor de sucesso. Quando voltou a Passo Fundo, com o primeiro compacto gravado, nenhum dos dois poderia supor o que viria depois.

 

A história, no entanto, nós já conhecemos. Depois de algumas gravações de pouco sucesso, Teixeirinha estoura com Coração de luto (1960) e sai pelo Brasil, cantando e faturando. A família vai morar em Porto Alegre, de onde Zoraida não sairia mais (a não ser em passeios ou nos verões, quando os Teixeira se transferiam para Capão da Canoa).

 

Foram mais de duas décadas de união. Dona Zoraida conheceu praticamente todas as pessoas que fizeram parte da rede social de Teixeirinha. Eu me arriscaria a dizer, inclusive, que ninguém sabe mais sobre o homem e o artista do que ela. Uma conversa com dona Zoca é de encher os olhos! São causos, comentários, histórias do cotidiano de uma senhora cujo ânimo contagia. Volta e meia e ela sai com uma tirada engraçada, com uma risada, um comentário sobre a boa fase do tricolor gaúcho (sim, ela é gremista até os dentes!)… Para que se tenha uma idéia, basta dizer que dona Zoraida foi a primeira pessoa a ouvir Coração de luto, minutos depois que Teixeirinha a compôs!

 

Neste aniversário, só nos cabe desejar muita saúde, paz e alegria a dona Zoraida. E que ela permaneça por muitos anos mais lá nos altos da Glória, recebendo com carinho os fãs e contando as histórias que todo mundo gosta de ouvir. Ah, e pra arrematar, deixo uns versos de “Gaúcho pialado”, composição que Teixeirinha teria feito em homenagem a Zoraida no início da carreira:

 

Amo demais um serraninha

Linda gaúcha lá de Bom Jesus

A flor serrana mais linda que eu vi

Que eu conheci num baile em Santa Cruz

 

Na minha vida eu nunca fui pialado

Nunca liguei pro amor na vida

Me descuidei com meu coração

E caí nos braços da mulher querida!

14 respostas para PARABÉNS DONA ZORAIDA!

  1. NEUZA disse:

    eu só queria saber como dona zoraida suportou tantos anos, a humilhação de por teixeirinha se envolver com uma menina qtinha idade pra ser filha deles. e depois q ela se casou com outro, ele dizer q ela o traiu, sendo ele tbem um traidor?

  2. NEUZA disse:

    eu sou fã de teixeirinha com artista, mas como exemplo de homem, péssimo

  3. fatima teixeira krapf disse:

    Chico,

    Só hoje conheci essa homenagem linda!!! Me emocionou muito, principalmente, porque diz exatamente o que minha mãe é: Muito linda, muito Teixeirinha e muito Grêmio! Além de um zilhão de outras qualidades positivas. Quem convive com ela um minuto sabe disso, quem veio dela, então…não tem a menor dúvida.
    Deus abençõe você minha mãe e você tb Chico.
    Bjo.
    Fátima.

  4. José Q. Nolasco disse:

    Gostei do Comentário sobre Dona Zoraida. que previlégio Ela teve de viver por muito tempo ao lado de uma grande estrela que foi e que sempre será, teixeirinha. Gostaria de ter conhecido, pois amo suas músicas e não para de ouvir. Navego sempre que posso, na internete, procurando fotos e contos do cantor.

    Obrigado.
    José
    Mun. Plácido de Castro -AC

  5. simeias disse:

    com todo respeito coloco meu comentario dona zoraida era separada de cospo do saudoso teixerinha pois so asumiu ser a esposa apos a separaçao da dupla .

  6. Armando Delminda disse:

    Eu fico aqui pensando:

    Mary Terezinha concubina, Teixeirinha bígamo e Dona Zoráide,,, Traída, chifrada, boba, coitada, humilhada, sofrida, o que mais?

    Não é fácil viver em família desse jeito. Eu imagino os filhos dessas do Teixeirinha…

    Como cantor Teixeirinha era um grande artista, mas como homem pai de família deixou a desejar e muito. A falta de respeito é uma coisa imperdoável. E ele não respeitou nem mesmo os seus fãs com esse mau exemplo. Deveria ter se separado e legalizar a união com Mary Terezinha, ou então não tentar uma menina de pouco mais de 14 anos. Pecou feio.

  7. Pedrocilio Silva Costa disse:

    Gosto muito do repertório do casal, quando eram casados, eu não sabia da vida partcular deles, que tinham separados.
    Lamento por esta atitude que vieram desfazer este laço matrimônial.

  8. Marcello Zotto disse:

    Essa Zoraida é descarada. O que o canalha do Teixeirinha fez com ela e ainda o ficou lambendo? Ou ela não tem tesão. A Mary Terezinha andava com o Teixeirinha que tinha outras mulheres. ERa um bígamo, um cara descarado. Olha esses tres ai, Teixeirinha, Zoraida e Mary Terezinha, é uma escórea da sociedade. Teixieirinha chamava Cristo de viado, agora deve estar dando os seus coices lá com o diabo. Ele gostava dele.

  9. Nico Kuhn disse:

    Fico impressionado com certos comentários agrecivos de pessoas que se dizem arautos da ética e da moral, nossas vidas primeiro pertencem a DEUS depois a nós mesmos. Como vamos viver, nossos atos, nossas decisões são prerrogativas que recebemos junto com a matéria que recebemos, se nos sentimos bem com pessoas,amigos, que nos cercam é simpplesmente uma decisão de cada um, como disse nosso Irmão Jesus Cristo quem nunca pecou que joge a primeira pedra. as vezes os que jogam a primeira pedra são mais pecadores do que aquele em qurem aingir. Nico Kuhn

  10. salete canalle disse:

    faço minhas as palavras de Nico Kuhn

  11. João Neto disse:

    Gente…quanta agressividade! Comentar eh uma coisa. Outra coisa eh ofender. Gostaria eu de saber das vidas de cada um que agrediu e maculou dona Zoraida e a memória de Teixeirinha. Será que essas vidas são repletas de “exemplos”? Nunca houve qualquer coisa que não seja a perfeição? Já sabemos a resposta. Fácil é julgar figuras públicas. Como disse Jesus Cristo: atire a primeira pedra…

  12. rosa disse:

    Parece que todos foram felizes e é isso que importa, naquele tempo era comum as esposas suportarem as traições porque haviam sido criadas para servir ao marido!

  13. Renaldy Alves disse:

    A vida particular do teixeirinha não interessa a ninguem, só sei que foi um grande artista, isso é o que importa para nóis seu fãs…por favor parem de ofender sua memoria.

  14. ninguem é santo, esse espaço é para fãs, guardem suas aofensas, esse falso moralismo para os senhores…..e viva teixerinha e dona Zoraida

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: