Um novo blog

logo2009

Buenas, meus queridos leitores e leitoras! Primeiramente, desejo a todos um ótimo 2009 (atrasado, claro). Os mais atentos já devem ter notado algumas modificações logo no topo da página. Tem cabeçalho novo no pedaço e esta é apenas uma das alterações neste novo ano.

Depois de merecidas férias, repensei bastante sobre os rumos do Revivendo e vi que está na hora de mudar. Depois de 160 postagens e 40 mil visitas, achei por bem imprimir um novo ritmo por aqui. Mas não foi só por isso…

2009 é o ano em que vou trabalhar mais pesado na minha dissertação de mestrado sobre Teixeirinha – e isso não é uma promessa, é fato. Até maio, pelo menos 50% do trabalho estará concluído. A data limite de entrega da versão final deverá ser marcada para março de 2010. Como escrever um livro – ainda mais sobre Teixeirinha – não é tarefa fácil, tive que reduzir o tempo de algumas das minhas atividades, dentre elas, o blog. Num primeiro momento, confesso que pensei em abandoná-los (até porque a participação de vocês, leitores, tem sido cada vez menor). Mas, como eu sei que este blog deixaria alguns órfãos caso saísse do ar, tomei uma decisão mais “salomônica”: vou conciliar o Revivendo com meu trabalho.

Como vai acontecer isso? Ainda não tenho todas as certezas, mas minha intenção é transformar o Revivendo Teixeirinha numa espécie de “diário de bordo” da minha pesquisa. Trocando em miúdos, vou escrever um, dois ou três textos por semana contando um pouco dos bastidores destes últimos 5 anos dedicados a reconstituir a vida e a obra de Vitor Mateus Teixeira. Histórias não me faltam e curiosos para lê-las também acho que não. Sei que alguns sentirão falta dos textos tradicionais, contando passagens da vida do “Rei do Disco”, mas tenho certeza de que a nova versão do Revivendo vai pegar – e aposto que teremos um aumento de público. Vocês não tem noção dos apuros e desafios que este jovem historiador passa por aí. Mas agora terão.

Por essas e outras, o Revivendo Teixeirinha ganha também a minha assinatura. O blog deixa de ser uma página “independente” para passar a uma “página pessoal”. É por isso que a imagem lá em cima traz escrito “Revivendo Teixeirinha por Chico Cougo”. São as histórias de Teixeirinha dentro das histórias deste blogueiro aqui.

Pra não dizer que tudo mudou e que não sou mais o mesmo, o “Discomentando” – espaço tradicional e de grande sucesso por aqui – continua. Para as dúvidas mais comuns ou mesmo pra batermos um papo sobre música, história e Teixeirinha, vocês podem utilizar os comentários ou a aba “Chat”, no topo da página. Aconselho que façam um bom uso destas ferramentas e que me procurem menos através de email e Orkut. Não que eu seja contra o contato pessoal (muito pelo contrário!), mas as dúvidas, quando publicadas no Chat, podem servir não apenas a quem pergunta, mas também a outros que gostariam de saber sobre o assunto. Vale lembrar sempre: a sua dúvida pode ser a de muitos.

Espero que gostem do novo formato. Neste final de semana já publico um novíssimo texto.

Ah, e em breve a publicação da tão cobrada (e prometida) discografia de Teixeirinha. Está quase pronta!

Abraços a todos!

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: